Pesquisa personalizada

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Falta Amor e sobra Humor nos púlpitos brasileiros


http://4.bp.blogspot.com/_VvgJqDzoFYA/TUVszI2MeYI/AAAAAAAALt8/_hkvQCb9yqo/s400/INTERESSANTE.jpg
Imagem

Quando analisamos os cultos evangélicos brasileiros, percebemos que os 'pulpiteiros' de plantão, os animadores de púlpito, estão cercados de pessoas em busca de um entretenimento ou um passatempo que lhe proporcionem conforto e relax diante do stress diário e da iminente condenação aos pecados que a Bíblia desnuda diante dos olhares mais cautelosos.

De certo modo, existe aí uma relação de mútuo parasitismo, pois ambas as partes se aproveitam dos interesses demonstrados, e assim cercam-se de vampiros, ao mesmo tempo que são cercados por eles; Tais 'humoristas de igrejas', sobem em seus 'palcos', diante de uma platéia narcisista, que espera ter seu ego massageado, confortado e satisfeito, pelo 'número' que se dispuseram a assistir durante quase duas horas de 'show';

Para atender a exigência da 'platéia', vale tudo, desde Pranchas de Surf, até Rings de Luta Livre,  Batismos coletivos em Toboáguas Gigantes, e até Sangue cenográfico para encenar um 'pacto', entre o cliente e sua 'idéia de Divindade' ao som de muito Rap, Funk, ou quem sabe algum som destes populares, o que interessa portanto é o 'sorriso', as demais coisas, não interessa se vão ser acrescentadas!

Quando partimos para a realidade mais fundamentalista (este fundamentalismo não se refere ao fundamentalismo bíblico), Profetas alucinados, ditando normas de comportamento, trejeitos de religiosidade, e até um certo 'evangéliquês' fielmente repetido pelos obreiros mais ninfetos daquela classe de 'cristãos'; é o evangelho do EMPIRISMO, onde o que vale é a experiência, não a letra, pois segundo tais pregadores, A BÍBLIA MATA, mas o ESPÍRITO do pastor fulano vivifica! ALELUIA IRMÃO.
 
Ai de vós fariseus! Hipócritas! que atravessais o oceano em busca de novos adeptos, e quando conseguem, tornam esses duas vezes mais merecedores do inferno do que vocês mesmos! Dão tanta importância ao ritual, mas desprezam o mais importante dele: a Justiça, a Misericórdia e a Fé!(Mt 23: 15, 23).

É duro ter que admitir que este show de humor e diversão não termina com um final feliz; nesta história querem dar a Deus um papel que não condiz com sua posição de soberania, poder e majestade, ignorando tudo isto querem que Deus divirta o público, que faça algo agradável para o ego deles e assim não passe de um mero palhaço... talvez neste ponto a psicanálise tenha razão, os homens criam o deus à sua Imagem (idéia de Feuerbach ao ridicularizar a religião), se andassem feito cavalos, Deus com certeza, teria um andar de cavalo, ou se relinchassem feito um asno, Deus assim também o faria, pois, são narcisistas, nada mais, e não é de espantar que o deus deles, reflitam a imagem que mais lhe agradem para que possa ser aceito pelos tais.

Um comentário:

Anônimo disse...

Eu também não te condeno, vá e não peques mais.
Perdão e transformação causados pelo Espírito de Deus.
Rir é saúde psicológica, chorar de alegria é mais ainda.
Devemos avaliar tudo com cautela, sem conseitos radicais e movidos por um orgulho individual. Jesus ainda é Senhor de sua igreja! Glória a Ele.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...