Pesquisa personalizada

terça-feira, 1 de julho de 2008

PL 122/2006 - A Mordaça Gay: Manifestação evangélica em Brasília


O quanto vale lutar pelo que se crê? quanto nos falta para entender o que levou a milhares de cristãos, derramarem seu sangue nas romanas por não negarem a vontade do seu Deus? O quanto teremos que ser perseguidos, odiados, injuriados, maltratados, e o quanto teremos que suportar as mentiras e todo mal dito contra nós? o quanto teremos que sofrer neste mundo por amor do Nome que é sobre todo o nome?


Quanto de nós o mundo terá que matar, trucidar, vender, odiar, para entender o amor Daquele que morreu por todos na cruz do calvário? E quando iremos entender a promessa de Jesus que nos diz: "Alegrai-vos quando isto acontecer! porque grande é o vosso galardão no céu!". Chamam de direito, nós de Imposição, invasão do nosso direito de Heterossexual, de criarmos nossas famílias como assim Deus planejou lá no Édem. Abaixo estaremos compilando parte da matéria publicada no blog Olhar Cristão, sobre a manifestação ocorrida em brasília, promovida por mais de 1.000 (um mil) evangélicos em manifestação paífica; A passeata marcou o dia em no Distrito Federal, que contou com o apoio de Parlamentares Cristãos;





Evangélicos protestam contra criminalização da homofobia


Até que enfim os Cristãos acordaram!




Agência Senado




"Brasília - O 4º secretário do Senado, Magno Malta (PR-ES) recebeu, nesta quarta-feira, na sala da Presidência da Casa, representantes da Frente Nacional Evangélica que foram ao Congresso protestar contra a aprovação do projeto de lei da Câmara (PLC 122/06) que torna crime a discriminação contra homossexuais.Integrada por vários deputados federais, senadores e pastores de diversas igrejas evangélicas, a frente considera que, a pretexto de combater a homofobia, o PLC 122/06 fere a liberdade de manifestação religiosa e o direito à livre manifestação do pensamento. Isso porque criminalizaria "




Toda e qualquer manifestação contrária ao homossexualismo e às suas práticas, ferindo o direito constitucional que cada cidadão tem de, livremente, manifestar-se, expressar-se e opinar sobre qualquer tipo de conduta moral ou tema social".Na opinião do pastor Fadi Faraj, do Ministério da Fé, o projeto suprime o direito à opinião do indivíduo e confere mais direitos a uns cidadãos do que a outros.




"Não se trata aqui da pessoa ter liberdade de ser o que gostaria de ser. Se ela quer ser homossexual, que seja; se quer se juntar com alguém, que se junte. Mas eu não preciso aceitar isso. Eu tenho minha opinião e não gostaria de ver meu filho recebendo educação que considero inadequada dentro de uma escola. Não gostaria de ver nossa liberdade constitucional violentada por eu ter que engolir algo em que eu não acredito", disse Fadi Faraj. O PLC 122/06, já aprovado na Câmara dos Deputados, encontra-se em análise na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) e na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado.Após o encontro com Magno Malta, os evangélicos se dirigiram ao Plenário e encaminharam à Mesa da Casa um manifesto contra a aprovação do PLC 122/06."














Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...